terça-feira, 26 de abril de 2016

Retroceder NUNCA! Fica Dilma!


Estou muito decepcionada com a quantidade de discursos cheios de ódio por parte de inúmeras pessoas, principalmente nas redes sociais.
Quando alguém critica o jeito de falar de Lula, porque ironiza o sotaque nordestino... somos todos nós nordestinos que também estamos sendo motivo de chacota.
Quando um deputado em rede nacional faz apologia a um torturador da ditadura... são todas as pessoas que foram torturadas que continuam vitimadas por uma nova forma de tortura – a de palavras que ressuscitam um passado negro da nossa história, a ditadura militar. E, quando alguém diz bem feito, quando se refere ao fato de Dilma ter sido uma dessas vítimas isso me choca ainda mais... por motivos óbvios.
E, quando o machismo entra em cena, ou melhor não sai de cena, porque a nossa Presidente é uma mulher – isso me enoja! Quantas noites de sono ela não deve ter perdido diante de tanta hipocrisia, como resolver o problema da situação do país de “mãos atadas”?

Se hoje um filho de pobre chega a uma faculdade e pode realizar um sonho isso é fruto de um governo que olha para os pobres. Se hoje temos mais oportunidades é devido a quantidade de programas sociais que dão sustentação a nossa qualificação e possibilidade de seguir adiante. É frequente vermos discursos de quem não viveu outras realidades e que não se apropria de como sua família vivia. Falo de um passado não muito distante! É muito fácil encher as redes sociais com palavras de ódios sem a devida noção de como tudo isso chega aos outros. A partir de hoje, digo: a partir de hoje vou excluir tais pessoas de meu Facebook! Chega!

Se essas pessoas não conseguem argumentar de forma respeitosa – ponto! Não preciso ler todos os dias discursos cheios de ódio e adolescente com suas faculdades via ProUni detonando com o governo. Querem oportunidade? Olhem de onde elas estão vindo!

Pobre realmente é um “bicho enxerido”, incomoda muito gente mesmo! Seja pelo sotaque nordestino e que me orgulho muito, seja pela garra de lutar todos os dias para sobreviver. E pobre estudando, tudo na faculdade, aí o “bicho pega”. Eita povo arretado!

Espalhem AMOR, usem seus argumentos sem ferir nem desmerecer ninguém, cada um sabe de sua história ou pelo menos deveria saber. 

0 comentários:

Postar um comentário

Grata pelo comentário! Volte sempre! :)