segunda-feira, 26 de abril de 2021

Liga de Enfermagem em Neurociências da URCA promove Mesa Redonda online sobre o Transtorno do Espectro Autista (TEA) | CRATO-CE

 Lucélia Muniz

Ubuntu Notícias, 26 de abril de 2021

@luceliamuniz_09 @ubuntunoticias @agenciaclick__

Com Informações de Rufina Alencar – graduanda em Enfermagem pela URCA

Na quinta-feira (22), a Liga de Enfermagem em Neurociências-LieNeuro da Universidade Regional do Cariri- URCA promoveu um evento online para debater numa mesa redonda, o Transtorno do Espectro Autista (TEA). O referido evento contou com a participação de profissionais multidisciplinares abordando sobre os primeiros sinais apresentados por crianças autistas e a importância do reconhecimento precoce. Também foi falado sobre a inclusão social, e educação inclusiva, reafirmando a necessidade de qualificação profissional. Contando ainda com a participação de mães, com filhos autistas apresentando um pouco sobre suas experiências, dificuldades e superações.

A Liga de Enfermagem em Neurociências- LieNeuro da Universidade Regional do Cariri- URCA conta com a participação dos seguintes universitários: Rufina Alencar, Gerliane Filgueira Leite, Mariany Fernandes da Silva, Ana Maria Tomaz Ferreira, Larissa Sampaio Ribeiro, Ana Beatriz Alves Domingos, João Cruz Neto, Vaneska Hellen Campos, Kleyton Pereira de Lima, Maria Luiza Peixoto Brito, Érica Rodrigues Fernandes Silva, Manoel Mateus Xavier do Nascimento e Danielle de Oliveira Brito. Contanto ainda com as Professoras Kenya Coelho Lisboa - Enfermeira, professora assistente da Urca, Doutora em Promoção da Saúde pela UFC e Kelly Vanessa Gomes - Formada em Direito e Enfermagem, Dra em Enfermagem pela UFC, Mestre em Cuidados Clínicos e em Enfermagem pela UECE.

O intuito da referida liga é aprofundar o conhecimento dos alunos em Neurociências, aproximá-los da comunidade, por meio das atividades de extensão. Tudo baseado no tripé da formação da Universidade: Ensino, Pesquisa e Extensão.

Para os membros da liga o evento objetivou trazer conhecimento de qualidade a cerca de um assunto muito importante, para os acadêmicos, docentes e a população, inclusive famílias que possuem membros com TEA (Transtorno do Espectro Autista) e desmistificar o preconceito do mesmo. Além de contribuir para a qualidade de vida dessas pessoas.

Alguns dos assuntos abordados no evento foram:

- Primeiros Sinais do TEA em crianças: Importância do reconhecimento precoce;

- Estimulação sensório motora: auxílio no desenvolvimento de crianças com TEA;

- O diagnóstico do meu filho: desafio e superação;

- Desafios do psicodiagnóstico de autismo em adultos, em especial no público feminino.

O evento contou com a participação das seguintes palestrantes, entre profissionais da área e familiares de autistas e autistas: Dra Juliana Moura, Dra Giselia Gonçalves, Helena Mota, Luciana França, Maria Júlia, Maria Euduvirgens e Gabriela Neuber.

A importância dessa mesa redonda para os acadêmicos de Enfermagem é ofertar conhecimento para a formação dos mesmos de tal forma que possam prestar uma assistência de qualidade e humanizada para os pacientes e familiares de autistas.

“E para a sociedade houve uma transmissão eficiente de aprendizado partindo de vários especialistas, além de assegurar e fortalecer a luta por essa causa social, o autismo. Foi um momento rico em todos os sentidos, de troca de aprendizagem por todos e com muita empatia e amor”, destaca Rufina Alencar.

As universitárias Rufina Alencar, Mariany Fernandes e Maria Luiza Peixoto estiveram à frente da organização e realização do evento, enquanto equipe da liga, escolheram trabalhar a temática sobre o Autismo dando destaque a Campanha de Conscientização sobre o Autismo realizada no mês de Abril.

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário logo abaixo! Sua interação é muito importante!