quinta-feira, 14 de outubro de 2021

Homenagem do Ubuntu Notícias para a Senhora Raimunda Felipe de Oliveira Alves | ANIVERSÁRIO DE 103 ANOS DE IDADE

Lucélia Muniz

Ubuntu Notícias, 14 de outubro de 2021

@luceliamuniz_09 @ubuntunoticias @agenciaclick__ @rlinosilva

Com Informações da Professora Renata Lino

Hoje o tapete deve ser posto para que uma mulher linda, corajosa e a frente do seu tempo possa desfilar na passarela da vida. Essa valente mulher se chama Raimunda Felipe de Oliveira Alves, agricultora e mãe de 12 filhos. Residia no município de Potengi, mas atualmente está morando com a sua filha Cacilda no Latão município de Santana do Cariri-CE.

Testemunha ocular de vários períodos históricos como a primeira e segunda guerra mundial, gripe espanhola, a seca de 32 e outras, terceira revolução industrial, coronelismo, ditadura militar, Impeachment de dois presidentes brasileiros e covid 19. Ela resiste com a sua doçura, leveza e canto diante da vida. A sua espiritualidade é viva e só aumenta com o passar dos dias, pois em nenhum instante ela se comporta como exausta, finalizada.

As suas memórias propagam sempre a fé, a conversa com o outro, a cantiga, a história. Raimunda entende que essa vida a privou de muitas conquistas importantes, mas não abriu mão de confiar aos seus filhos a educação quando foi possível. Essa preciosa ainda muito jovem aprendeu desde cedo que precisava agir, combater os infortúnios e servir de exemplo para sua família.

Logo na infância perdeu contato com os seus irmãos Pedro, Mariano, Francisca e Dimira por conta que migrou do Maranhão para o Ceará com os seus pais Joaquim e Joana. No Ceará conheceu o José com quem casou-se e teve 12 filhos. Em seguida a sua mãe Joana regressou para Maranhão e depois disso Raimunda não a viu mais, pois ela falecera lá.  Com pouco tempo perdera também o seu pai picado por uma cobra venenosa. 

A sua chegada à casa da Cacilda tem nove anos. Tudo foi recomeçado. Foi preciso um tempo para que ela aceitasse esse novo lar e não quisesse voltar para a sua cidade do coração: Potengi. Nessa convivência ela já nos ofertou com alguns sustos, mas regressa de tudo com muita beleza. Essa fênix de inúmeros nomes: totó, preciosa, menininha, garota 103 é o nosso maior tesouro.

Quando a família tem muitas atribuições para realizar e não pode estar ao seu lado há uma boneca chamada Mariá que a faz companhia. E acreditem: ela tece muitas prosas com ela. É tão lindo acompanhar!

O seu maior sonho até hoje era poder reencontrar os seus irmãos e seus outros parentes que com certeza já ganhou. Porém não há contato algum, pois como já foi exposto, naquele período, ela não possuía condições para tirar registros de fotos, ter um telefone e sendo analfabeta não possuía condições de se comunicar por cartas. Infelizmente essa é uma parte triste na história da vovó Raimunda.

Contudo podemos contar com a sua voz, o seu cheirinho gostoso, os seus beijinhos carinhosos, a sua história, pois essa vovó é digna de se ouvir, de apreciá-la. A nossa família agradece a todos por terem contemplado tantas simbolizações do seu aniversário e pede a todos que orem muito aos céus para que essa boa menina nos conceda a sua existência por muitos e muitos anos, pois não sabemos mais seguir sem a sua companhia ao nosso lado.

Queremos deixar aqui ainda um abraço especial a Meryane Macário, ouvinte do Ubuntu Notícias que solicitou essa homenagem graciosa a nossa garota 103. Muito obrigada, Merinha! Sua família que te ama muito: Cacilda, Pedro, Marcia, Renata e Mariá.

2 comentários:

  1. Dona Raimunda e luz! Sempre com um olhar e sorriso acolhedor. Inspira coragem e motivação para viver. Parabéns pelos 103 anos.

    ResponderExcluir
  2. MUNDINHA GRANDE MULHER NOS TE AMAMOS...

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário logo abaixo! Sua interação é muito importante!