quinta-feira, 3 de outubro de 2019

Beatificação de BENIGNA CARDOSO é APROVADA pelo Papa Francisco

Lucélia Muniz
Ubuntu Notícias, 03 de outubro de 2019
Via Vatican News

Benigna Cardoso da Silva próxima Beata brasileira

O Papa Francisco autorizou a promulgação dos Decretos para 5 novos Beatos. Entre eles a brasileira Benigna Cardoso da Silva, nascida no Cariri no Ceará em 1928, que morreu mártir, considerada heroína da castidade.

Cidade do Vaticano
O Santo Padre recebeu em audiência, no dia 2 de outubro no Vaticano, o Cardeal Angelo Becciu, Prefeito da Congregação para as Causas dos Santos. Na Audiência, o Papa autorizou a Congregação a promulgar os Decretos concernentes a cinco novos Beatos para a Igreja e o reconhecimento das virtudes heróicas de 3 novos Servos de Deus.

Beata brasileira

Entre os novos beatos a brasileira Benigna Cardoso da Silva, leiga, nascida em 15 de outubro de 1928 em Santana do Cariri (Ceará) que morreu mártir em 24 de outubro de 1941. Benigna é considerada “Heroína da Castidade”. O pároco Pe. Cristiano Coelho Rodrigues, que fora mentor espiritual da jovem, foi grande incentivador da devoção a ela.

Ao tempo do assassinato, ele escreveu a seguinte nota ao lado do registro de batismo de Benigna: “Morreu martirizada, às 4 horas da tarde, no dia 24 de outubro de 1941, no sitio Oiti. Heroína da Castidade, que sua santa alma converta a freguesia e sirva de proteção às crianças e às famílias da Paróquia. São os votos que faço à nossa santinha”.

0 comentários:

Postar um comentário

LUCÉLIA MUNIZ FRANÇA
Blogueira, Professora e Microempresária. Membro da Academia de Letras do Brasil/Seccional Araripe-CE, Cadeira nº 35 que tem como Patrona a Professora e Artesã - Maria Constância da França Muniz. Bacharel em Ciências Econômicas pela Universidade Regional do Cariri-URCA com habilitação em Matemática. Especialista em Matemática e Física pela Faculdade de Juazeiro do Norte-FJN.