domingo, 21 de julho de 2019

Marcha das Margaridas 2019 por Vera Lima

Lucélia Muniz
Ubuntu Notícias, 21 de julho de 2019
Até poucos séculos atrás
Mulher não tinha direitos
Nem de votar e nem escolher
O marido do seu jeito
Que para os homens isso era
Uma falta de respeito

Ainda bem que hoje mudou
E isso não é mais aceito
Nem agir de tal forma
Nem seguir com esse conceito
Mulher precisa ser vista
E merece todo respeito

Devido a tanta violência
Que a mulher vinha enfrentando
Sancionaram uma lei
Que a muitas está ajudando
A lei Maria da Penha
Melhorias vem possibilitando

O coletivo de mulheres
Tem essa lei como conquista
De trabalhadoras rurais
E de movimentos feministas
Conseguiram ganhar apoios
De muitos outros ativistas

Essa lei veio proteger
As mulheres agredidas
Punindo os agressores
Fazendo valer a medida
E ajudar na reconstrução
Dessas mulheres e de suas vidas

Também conseguimos criminalizar
Aqueles que usam da violência
Contra a vida das mulheres
Ou causa alguma consequência
Que interfira em sua vida
E na sua existência

A marcha das margaridas
Esta chegando o dia
É nos dias 11 e 12 de agosto
Na capital de Brasília
As  mulheres estarão lá
Lutando por  melhorias

A marcha todo ano coloca
Um tema impactante
E a lei Maria da Penha
Foi uma conquista importante
Para as mulheres do nosso país
Inclusive para as militantes

Ela traz de novo como pauta
A luta contra a violência
Seja qual for o tipo
É uma de suas exigências
Vamos lutar para que a lei
Não espere por evidências.

Assim seguimos em marcha
Lutando por nossos direitos
Pois a mulher se empoderou 
E merece todo respeito
Seja por parte de outra mulher
Ou de qualquer outro sujeito.

E vamos de novo mulheres
Para a marcha das margaridas
Lutar para que não sejamos
Violentadas ou agredidas
Que por a lei possamos estar
Amparadas e protegidas
Vera Lima
Cordelista de Nova Olinda-CE

0 comentários:

Postar um comentário

LUCÉLIA MUNIZ FRANÇA
Blogueira, Professora e Microempresária. Membro da Academia de Letras do Brasil/Seccional Araripe-CE, Cadeira nº 35 que tem como Patrona a Professora e Artesã - Maria Constância da França Muniz. Bacharel em Ciências Econômicas pela Universidade Regional do Cariri-URCA com habilitação em Matemática. Especialista em Matemática e Física pela Faculdade de Juazeiro do Norte-FJN.