terça-feira, 26 de junho de 2018

Filme - Para Sempre (Another Forever)

 
Lucélia Muniz Ubuntu Notícias, 26 de junho de 2018
Ano   2016
Título original   Another Forever
Gênero  Drama
Diretor Juan Zapata
Detalhes 72 minutos

Sinopse
A vida é a perda lenta de tudo o que amamos. Falando sobre os conflitos da dor e da perda, o cineasta Juan Zapata percorre os caminhos da alma para falar sobre uma mulher que tem seu mundo devastado quando o grande amor vai embora. O Cinema tem essa magia de se tele transportar, da alma para a tela. E o caminho inverso é o mesmo. Para Sempre cumpre muito bem sua investigação com leveza e objetividade ao longos dos curtinhos 71 minutos de projeção. A fotografia e a trilha sonora também merecem elogios, bons destaques no projeto. Na trama, conhecemos a brasileira Alice (Daniela Escobar) uma mulher que vive amargurada após um trauma recente ter consumido sua vida e memórias ao lado de seu grande amor. Ao longo dos curtos minutos de projeção vamos vendo como a protagonista lida com essa dor profunda e suas novas descobertas que chegam para tentar dar uma luz nos seus sentimentos vitais. A dor da perda e a necessidade de conseguir seguir em frente. Através do olhar investigativo de Zapata sobre a alma, suas raízes e a dor da perda vamos sendo envolvidos nesse pequeno conto de um cotidiano sempre em conflito. A protagonista se desconstrói e novamente se constrói tendo nossos olhos atentos como testemunha. A sensibilidade como o tema é tratado tem diversas camadas profundas e fazemos paralelos com lembranças de nossa vida no mundo real.

Sobre Juan Zapata
Juan Zapata é um diretor, roteirista e produtor colombiano radicado no Brasil desde 2004. Zapata começou a se dedicar às áreas de cinema e televisão em 1997. Estudo na Universidade Jorge Tadeo Lozano em Bogotá e na Escuela Internacional de Cine y TV de Cuba. Dirigiu e escreveu quatro curtas-metragens em sua terra natal e o documentário de média-metragem Fidelidad (2004), em Cuba, numa coprodução Colômbia/Brasil. Em Porto Alegre realizou os média-metragens Quinta Bienal do Mercosul (2005) e Em Branco (2007). Lançou comercialmente de forma inédita e simultânea em Cinemas, TV, Internet e DVD o longa-metragem A Dança Da Vida (2008) em países como Colômbia, Brasil e Equador e se prepara para lançar Ato de Vida (2009). Juan Zapata trabalha atualmente nos longas-metragens Histórias de Fronteira (2010), primeiro longa-metragem do gênero documentário a receber o Prêmio Santander Cultural (2006) e SIMONE (2011).

Trailer
http://www.ubuntunoticiasce.com.br/2017/08/ubuntu-noticias-oferecimento.html

0 comentários:

Postar um comentário

Grata pelo comentário! Volte sempre! :)