segunda-feira, 30 de abril de 2018

Sindicatos de Nova Olinda e sociedade civil realizam Ato Público em Defesa da Democracia e pelos Direitos do Trabalhador

Lucélia Muniz
Ubuntu Notícias, 30 de abril de 2018
Na manhã desta segunda-feira foi realizado no município de Nova Olinda um Ato Público em Defesa da Democracia e pelos Direitos do Trabalhador. A mobilização que teve a realização do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais, Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Nova Olinda-CE, APEOC e SINTRAF Nova Olinda.  
Ainda marcaram presença na mobilização dois vereadores - Maria de Lourdes Freire (Lourdes da Saúde) e Beto Jeremias, professores da rede pública municipal e estadual, alunos, ativistas, presidentes das associações rurais comunitárias de nosso município.
Para o Professor Nicolau Neto, ativista do Grupo de Valorização Negra do Cariri-GRUNEC, “a importância deste ato está em a gente poder continuar mobilizados defendendo a Democracia, os direitos trabalhistas... Essa reforma trabalhista com considerações onde as mulheres lactantes continuam podendo trabalhar em lugares insalubres, a questão do trabalho intermitente... são questões que a gente precisa estar lutando para que seja revogado”, exclamou.
Miguel Barros, conselheiro tutelar, falou sobre a importância de se fortalecer as iniciativas populares não dependendo exclusivamente do legislativo e do executivo, mas levando projetos para serem propostos a Câmara Municipal. Ainda enfatizou as políticas públicas realmente voltadas a atender o “povão”, os que realmente precisam.
Aureliano Souza, Presidente do Partido dos Trabalhadores-PT Nova Olinda, disse que o ato chega como uma aula de cidadania destacando que este ano os trabalhadores e trabalhadoras terão a oportunidade de ir às urnas desfazer o golpe.
O jovem ativista, Alan Cordeiro do Grupo Kizomba também fez uso da palavra: “temos que lutar por direitos iguais, não só de trabalho, mas de orientação sexual, de classe, direitos humanos, pois sabemos que o cenário político que está presente não é favorável para todo mundo”.
Já para Socorro Matos da Comissão Nova Olinda APEOC, enfatizou: “a busca pelos direitos dos trabalhadores, o resgate dos direitos dos trabalhadores que estão sendo golpeados, pois não se pode falar em Democracia quando estamos vivendo um estado de exceção. Sofremos um golpe onde o nosso voto não foi respeitado! Não tem como falar de Democracia sem falar de Política!”.
Josias Félix, Presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais, agradeceu a presença dos que se fizeram presentes no ato e destacou algumas dificuldades como a retirada do direito da contribuição sindical do trabalhador, questão também abordada por Socorro Matos. “Eu espero que os políticos que entrem revejam isso e que a gente tenha uma maneira de sentar com eles. Não podemos enfraquecer o movimento!”, disse. Ao agradecer aos presentes ainda acrescentou: “Que Deus ilumine vocês e nunca tire a coragem de lutar pelo próximo e por si mesmo”.
Quero agradecer o convite para participar desta mobilização popular e dizer que enquanto professora anseio pela valorização dos profissionais da educação, dos trabalhadores e trabalhadoras rurais, enfim dos direitos humanos.
Não somos meras engrenagens de um sistema, mas devemos ser peça chave na decisão que norteia o nosso país. Que a vontade popular seja respeitada, que o nosso voto seja validado! 
http://www.ubuntunoticiasce.com.br/2017/08/ubuntu-noticias-oferecimento.html

0 comentários:

Postar um comentário

Grata pelo comentário! Volte sempre! :)