quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

Entrevista com a Médica novolindense Drª Géssica Felinto de Matos – sobre sonhos e conquistas

Lucélia Muniz
Ubuntu Notícias, 07 de fevereiro de 2018
“Não há nada que não se consiga com a força de vontade, a bondade e, principalmente, com o amor.”
Géssica Felinto de Matos, novolindense, filha do casal Selma e Evanilton se formou recentemente no Curso de Medicina pela Faculdade de Medicina de Juazeiro do Norte – Estácio (FMJ). Ela que sempre estudou em Nova Olinda, entrou através do PROUNI em 2012 para cursar o referido curso que tem duração de 06 anos.
Quando questionada sobre sonhos e o curso que almejava fazer, ela disse que nem sempre teve o anseio de cursar Medicina. Ao longo de sua vida escolar foi identificando-se, porém, ao começar o 4º e 5º semestres de base médica, tal como os conteúdos de Patologia, viu que era realmente o que queria.

Aproveitei para perguntar se a mesma poderia dá uma dica para os alunos que já estão ingressando no Ensino Médio e estão no dilema de fazer a escolha do curso para definir sua futura formação – ela disse: “Geralmente você deve focar no que você quer... porque no Ensino Médio você tem muitas dúvidas... é bom você tirar um tempo, pensar, procurar saber mais sobre as profissões e aí quando você disser é isso que eu quero, deve focar e direcionar para o que realmente quer...”, afirmou.
“Prometo que, ao exercer a arte de curar, mostrar-me-ei sempre fiel aos preceitos da honestidade, da caridade e da ciência”. A frase do médico grego Hipócrates (460 a 377 a.C.), considerado o pai da Medicina ocidental, não é apenas o juramento dos recém-formados em Medicina, mas o lema para toda a atuação e trabalho que esses profissionais realizam ao longo de toda a sua vida. Para Hipócrates, a Medicina deve se apoiar em observações, sobre os fatos, sobre o corpo humano e sobre a sua relação com o meio ambiente. A profissão passou por uma visível evolução social e melhorou a forma como as pessoas vivem, sua expectativa de vida e a sua relação com o próprio bem-estar.”

Quando um estudante conclui o Curso de Medicina torna-se médico generalista ou clínico geral podendo fazer residência ou especialização. A nossa Médica Drª Géssica está atuando no momento como médica generalista no Hospital de nosso município e dá plantões em outros municípios, mas pretende fazer a prova para residência. Quanto as áreas de atuação, ela disse identificar-se com a parte de cirurgia. Ela enfatizou que logo ao ingressar na faculdade se identificava com a área de Saúde da Família e isso prevaleceu até o internato, período de estágio. Num período de dois anos, duração do estágio, o aluno passa pelas áreas de Pediatria, Clínica, Saúde da Família, Ginecologia Obstetrícia e Cirurgia. Para ela, os últimos quatro meses deste período foram decisivos para que optasse por Cirurgia.
A Medicina é o curso mais concorrido dentre os vestibulares do Brasil, e o curso que apresenta maior nota de corte no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) – Afinal, qual o papel da família na vida escolar do estudante? Como apoiá-lo em suas escolhas? Eis a questão! Para a Médica Drª Géssica sem o apoio da família não teria conseguido. “ Minha mãe e meu pai não tem posse nenhuma, porque tudo o que eles têm foi direcionado para a educação dos filhos. Se não fosse minha família, muitas vezes eu teria desistido, não teria tentando novamente... eles sempre acreditaram em mim,” afirmou.
Pedi que ao final desta matéria, a Médica Drª Géssica, deixasse uma mensagem aos jovens que assim como ela tem o sonho de cursar Medicina: “No caminho sempre vai surgir palavras negativas, às vezes tem pessoa que você considera a opinião importante, mas aí você tem que ver que é o seu sonho! Eu tenho amigos que passaram 10 anos tentando e hoje estão aí... são o orgulho da família. Se você acreditar ao menos um pouquinho em si e focar no que você quer, independente de ser Medicina ou outro curso, focando você consegue, ” afirmou.

Na oportunidade quero parabenizar o casal Selma e Evanilton por serem entusiastas na educação dos filhos e dizer que os parabéns não é apenas de Géssica, mas vai também para o reconhecimento da família tão importante na educação dos filhos!   
http://www.ubuntunoticiasce.com.br/2017/08/ubuntu-noticias-oferecimento.html

0 comentários:

Postar um comentário

Grata pelo comentário! Volte sempre! :)