quinta-feira, 25 de maio de 2017

Documentário ‘Nunca me sonharam’ reflete sobre o valor da educação

Os desafios do presente, as expectativas para o futuro e os sonhos de quem vive a realidade do Ensino Médio nas escolas públicas do Brasil. Na voz de estudantes, gestores, professores e especialistas, ‘Nunca me sonharam’ reflete sobre o valor da educação.

O Ensino Médio é notadamente um dos gargalos da educação brasileira. Alguns de seus desafios podem ser traduzidos em números: há 1,6 milhão de adolescentes de 15 a 17 anos fora da escola; destes, 10%, em média, não estudam, nem trabalham.

No entanto, a etapa também tem que lidar com uma tarefa igualmente urgente, só que de natureza mais subjetiva: qualificar o ensino e torná-lo mais significativo aos adolescentes, o que passa por conhecer a realidade das juventudes em profundidade.

É sobre este cenário que o documentário “Nunca me Sonharam”, uma iniciativa do Instituto Unibanco, dirigido por Cacau Rhoden e produzido pela Maria Farinha Filmes se debruça. O longa metragem se propõe a fazer uma análise do Ensino Médio a partir da interlocução com estudantes, que são convidados a falar dos sonhos, expectativas e dificuldades que levam diariamente para a escola.

Em uma hora e meia, é possível conhecer a experiência de 70 personagens, entre os quais também figuram educadores e especialistas em educação. Conforme a narrativa se costura, se evidencia a necessidade de que o sistema educacional se comprometa com a transformação da vida dos adolescentes.

Onde assistir
O documentário será exibido durante a 4ª edição do Festival Ciranda de Filmes, em São Paulo. O filme chega ao circuito comercial de cinema no dia 8 de junho em São Paulo e Rio de Janeiro, e deve oferecer sessões gratuitas no primeiro final de semana.
Já na semana que antecede a estreia nos cinemas, de 1 a 7 de junho, o documentário também fica disponível para educadores de todo o Brasil na plataforma VIDEOCAMP.

Confira o trailer do filme:
Direção:​ Cacau Rhoden
Produzido por:​ Marcos Nisti, Estela Renner e Luana Lobo
Produção Executiva:​ Juliana Borges
Roteiro:​ Tetê Cartaxo, André Finotti e Cacau Rhoden
Argumento:​ Tiago Borba, Ricardo Henriques e Cacau Rhoden
Direção de Fotografia:​ Janice D`Avila e Carlos Firmino
Montagem:​ André Finotti
Música:​ Conrado Goys
Desenho de som​: Beto Ferraz
Coord. de pós produção: ​Geisa França
Produtora:​ Renata Romeu
Assist. de direção: ​Camila Gentile
Estratégia de distribuição​: Luana Lobo e Marcos Nisti
Distribuição:​ Maria Farinha Filmes e VIDEOCAMP


Via Rede Social da Maria Farinha Filmes

Felipe de Lima, 17 anos, é aluno do EEFM Padre Luis Filgueiras, Nova Olinda/CE e (alerta de spoiler) personagem que inspirou o nome do filme #nuncamesonharam Ele veio para a pré-estreia que aconteceu hoje no @cirandadefilmes e no bate-papo com os realizadores mandou um cordel que dá a letra da situação do ensino público no Brasil, mostrando toda a força criativa e realizadora da nossa juventude.
#educarégarantirdireitos “Nunca Me Sonharam” é uma produção Maria Farinha apresentado pelo Instituto Unibanco @jovemdefuturo
 

0 comentários:

Postar um comentário

Grata pelo comentário! Volte sempre! :)