terça-feira, 4 de maio de 2010

Laboratório de Informática da EEFM Padre Luís Filgueiras





Muitas escolas do Brasil já possuem um laboratório de informática com acesso à Internet, softwares educacionais e programas básicos (editores de texto, programas de edição de imagens e apresentações, planilhas de cálculo, etc). Porém, não basta ter os recursos. A principal questão está em como utilizá-los de maneira a garantir o desenvolvimento do aluno.

De acordo com Marcelo Araújo Franco, Mestre em Educação, pesquisadores que investigam o uso de computadores na educação alegam que a informática possui uma ação positiva para o desenvolvimento da capacidade cognitiva e provoca um rompimento da relação vertical entre alunos e professor da sala de aula tradicional, fazendo do aprendizado uma experiência mais cooperativa. As radicais transformações da informática nos anos noventa reforçaram ainda mais a adoção dessa tecnologia nos meios educacionais.

Por isso o computador sozinho é apenas uma ferramenta e sendo assim faz-se necessário sua transformação em um recurso didático, onde o professor orienta o aluno a produzir conhecimento.

O aluno não é um ser passivo diante do computador. O computador enquanto recurso didático dever ser utilizado de modo a despertar a criatividade, a capacidade de interação, a coletividade e a apropriação do conhecimento.

  • FOTOS do Desfile do 14 de Abril de 2010.
  • Professores em 2010: Ana Paula Batista, Edilson Geraldo de Brito e Lucélia Muniz.


0 comentários:

Postar um comentário

Grata pelo comentário! Volte sempre! :)